Inscrições prorrogadas para o Festival da Canção Aliança Francesa 2019

Na 12ª edição, evento ganha novo nome e recebe candidaturas até 31 de agosto

As inscrições para o Festival da Canção Aliança Francesa 2019 foram prorrogadas e podem ser realizadas até 8 de setembro! 

Uma das novidades dessa 12ª edição é a adoção de um novo nome para o Festival, que passa a se chamar Festival da Canção Aliança Francesa. A ideia por trás dessa mudança é valorizar a diversidade cultural existente por trás da língua francesa, integrando músicas de países francófonos da África, da América e da Europa.

 Os candidatos poderão escolher qualquer título da música francesa, incluindo repertório francófono. O regulamento e a ficha de inscrição online estão disponíveis no site www.festivaldacancaoaf.com.br. A etapa regional de Porto Alegre acontecerá no Salão de Atos da UFRGS no dia 18 de outubro de 2019.

O concurso é gratuito e aberto a cantores amadores e profissionais e visa promover a descoberta de novos talentos e divulgar a diversidade do repertório musical em francês. Para participar, não é necessário o domínio da língua francesa, o importante é caprichar na interpretação e na pronúncia. Aqueles que forem selecionados na primeira etapa terão a oportunidade de subir no palco diante de um júri composto por profissionais do meio musical ou ligados ao meio artístico, membros da Aliança Francesa, apoiadores e representantes de entidades francesas no Brasil.

 

Premiações Final Regional de Porto Alegre

 

1º lugar: 

- 01 (uma) passagem para Paris saindo de Porto Alegre, em baixa temporada (entre meses de fevereiro e maio de 2020), com 06 (seis) noites de hotel. Café da manhã incluído. Não inclui alimentação, traslados, passeios e taxas de embarque. OBS: Os bilhetes aéreos deverão ser emitidos antes de 20 de dezembro de 2019.

- 4 (quatro) horas de gravação da canção vencedora no estúdio Audio Porto.

- 2 (dois) semestres regulares de curso de francês na AFPOA Moinhos OU AFPOA Zona Sul. Não inclui material didático e taxa de matrícula.

- Participação na Final Nacional em Porto Alegre em no dia 30 de novembro de 2019.  

 

 

2º lugar:

 - 2 (dois) semestres regulares de curso de francês na AFPOA Moinhos OU AFPOA Zona Sul. Não inclui material didático e taxa de matrícula.

- Visita privada à adega da Chandon, com degustação da linha de produtos por um enólogo da casa; jantar harmonizado com os espumantes da Chandon na Hostaria Casacurta na cidade de Garibaldi; 01 (uma) pernoite no hotel Casacurta, na cidade de Garibaldi, para o segundo colocado e 01 (um) acompanhante.

OBS: Data sujeita à disponibilidade, reservas não permitidas em período de feriados. Prêmio com validade até 31 de dezembro de 2019

- Participação na Final Nacional em Porto Alegre no dia 30 de novembro de 2019.

 

3º lugar:

 - 1 (um) semestre regular de curso de francês na AFPOA Moinhos OU AFPOA Zona Sul. Não inclui material didático e taxa de matrícula

- Combo Comemoração para 2 pessoas na Liz Patisserie (4 macarons – 2 éclairs -1 torta a dividir e 1 garrafa de 375 mL de espumante Brut Casa Perini)

- 1 atelier de macarons na Liz Patisserie

 

Festival da Canção Aliança Francesa

 A Aliança Francesa está prestes a completar 135 anos de presença no Brasil. Para além do ensino de idioma, a instituição oferece um rico leque de atividades culturais. A língua francesa está, naturalmente, no centro de sua programação, e é celebrada por meio dessa nova edição do Festival da Canção Aliança Francesa.

 O Festival surgiu em 2008, por iniciativa da Aliança Francesa Porto Alegre. Devido ao seu grande sucesso, o evento tornou-se uma referência em matéria de música contemporânea francesa e francófona no país e passou a acontecer em escala nacional.

 Adotado pela rede de Alianças Francesas de todo o Brasil, o Festival conta com semifinais regionais e uma grande final sediada em uma cidade diferente a cada ano. Em 2019, o evento ocorre em sete cidades do Brasil: Aracaju, Goiânia, Belo Horizonte, Curitiba, São Paulo, Rio de Janeiro e Porto Alegre.

 Em Porto Alegre, os vencedores foram Richard Emunds (2008), Tássia Minuzzo (2009), Luana Pacheco (2010), Augusto Darde (2011), Valeria Houston (2012), Philipe Philippsen (2013), Marcelo Astiazara (2014), Daniel Debiagi (2015), Ricardo Seffner (2016), Melina Vaz (2017) e Nina Rouge (2018). Hevelyn Costa e Kézia Borges, que ficaram com a segunda colocação nas finais regionais de 2012 e 2017, respectivamente, foram vencedoras nas etapas nacionais do Festival nestes anos. Nina Rouge também venceu a Final Nacional em 2018.

 

Sobre a Canção Francesa

 

Impossível não conhecer uma clássica canção francesa, como La Vie En Rose, La Bohème, Ne Me Quitte Pas... São muitas as músicas em língua francesa mundialmente famosas, mas você sabia que a tradição da chanson é mais antiga do que a gente imagina? O termo começou a ser usado na Idade Média, para referir-se à música secular (não religiosa) baseada no canto. A partir do século XIX, o termo chanson française passou a significar um gênero musical específico que era definido, principalmente, pela valorização da língua francesa, com alusões aos mestres e modelos herdados da literatura poética em francês. A bem dizer, o nome “canção francófona” ou “canção em francês” seria mais adequado, pois a chanson française encontrou voz em diversos países de língua francesa, e não apenas na França.

Foi no início do século XX que a chanson française ganhou a força que tem hoje, com o surgimento de ícones da música como Charles Trenet, Édith Piaf, Charles Aznavour e Jacques Brel. Ao longo dos anos, as canções foram se reinventando, novos ritmos foram surgindo, assim como novos nomes: Sylvie Vartan, Dalida, Serge Gainsbourg, Françoise Hardy e tantos outros. Hoje em dia, a canção francesa não se limita mais a um único estilo ou local: do Canadá da pianista Coeur de Pirate ao Mali da dupla Amadou e Mariam, passando pela Bélgica de Stromae e de volta para a França de Zaz, Angèle e Louane. Como o mostram seus novos ícones, a canção francófona é tão plural quanto as culturas dos diversos povos unidos pela língua francesa.

 

Sobre a Aliança Francesa

 A Aliança Francesa é uma referência no idioma e, sem dúvida, a instituição mais respeitada e conhecida do mundo quando o assunto é a difusão da língua francesa e das culturas francófonas. Possui, atualmente, mais de 830 unidades em 132 países, onde estudam cerca de 500 mil alunos. Na França, ela conta com escolas e centros culturais para estudantes estrangeiros. O Brasil tem a maior rede mundial de Alianças francesas com 37 associações e 68 unidades.

É a única instituição no Brasil autorizada pela Embaixada da França a aplicar os exames que dão acesso aos diplomas internacionais DELF e DALF, reconhecidos pelo Ministério da Educação Nacional francês. A Aliança Francesa também é centro de exames oficial para aplicação de testes internacionais com validade de dois anos TCF (Teste de Conhecimento do Francês) e TEF Canadense (Teste de Avaliação de Francês) e do teste nacional com validade de um ano Capes (reconhecido pelas agencias CAPES e CNPq do MEC).

A Aliança Francesa no Brasil desenvolve parcerias com inúmeras empresas francesas e brasileiras, além de ser um ator essencial do diálogo cultural franco-brasileiro.

 

Em sua etapa regional de Porto Alegre, o Festival da Canção Aliança Francesa é realizado pela Aliança Francesa Porto Alegre, com o patrocínio da Timac Agro, o financiamento da Secretaria de Estado da Cultura do Rio Grande do Sul, coprodução do Departamento de Difusão Cultural da UFRGS e apoio do Consulado Geral da França em São Paulo, Club Med, Air France, Estúdio Musitek, Audio Porto, Chandon e Liz Patisserie.